Beleza. Dietas, Moda, Saúde e Bem-estar.

Quando o alimento integral é ruim para seu intestino

Alimento integral é bom para todos? Nem sempre!

0

Quando o alimento integral é ruim para seu intestino

Às vezes, a introdução de alimentos integrais podem causar um inchaço desagradável na barriga de algumas pessoas, mas isso pode ser prevenido! Veja aqui quando o alimento integral é ruim para seu intestino!

Os especialistas costumam dizer que é preferível escolher alimentos integrais , mas às vezes esses alimentos podem ser irritantes para o intestino.

Segundo a redatora da Revista Saúde Natural: “Alguns amigos me disseram sobre os benefícios de alimentos integrais e leio constantemente que você deve evitar alimentos excessivamente refinados. Dito e feito. Troquei todos os alimentos por integrais. Depois de uma semana o meu intestino estava completamente de cabeça para baixo! Antes eu costumava ir ao banheiro muitas vezes. Depois dos alimentos integrais isso não mais aconteceu e eu nunca soube de ter intolerância alimentar.

Isso pode acontecer com várias pessoas que certamente não saberão o que houve. Veja dicas de como prevenir essa situação:

Cuidado com a escolha dos produtos integrais

O maior cuidado deve ser tomado durante a compra dos produtos integrais. Verifique sempre os ingredientes utilizados e de que forma foram processados.

Diversos termos usados nas embalagens podem – propositalmente – induzir ao erro. Não é porque um produto integral contém muitos grãos (chia, linhaça, quinua, centeio), tem cor mais escura (parecendo não ser feito com farinha branca) ou leva uma combinação de ingredientes mais atrativa, incluindo, por exemplo, frutas, oleaginosas e farinha enriquecida com ácido fólico ou ferro, que ele é integral.

Para ter certeza de que não está levando o que não quer, só lendo as letras miúdas do rótulo, em geral no verso da embalagem, saiba que, de acordo com as normas estabelecidas pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), a lista de ingredientes deve vir em ordem decrescente de quantidade, começando com os que aparecem mais. Ou seja: aquele pão que você quer incluir em sua nova dieta precisa ter em primeiro lugar na lista justamente a farinha integral.

As farinhas integrais mais vendidas no mercado, por exemplo, são em sua maioria preparadas com farinha de trigo refinada, ou seja, que é adicionado para o farelo ou na farinha de trigo integral obtidos através de moinho elétrico.

No primeiro caso, sabemos que é retida uma percentagem de fibra não-digerível insolúvel, no segundo caso, o grão de trigo é esmagado de forma desigual havendo no produto final uma acumulação de farelo e outras partes apenas de amidos.

O resultado em ambos os casos é um poderoso estímulo do peristaltismo (conjunto das contrações musculares dos órgãos ocos, provocando o avanço de seu conteúdo; movimento peristáltico, peristalse).

Isso pode inicialmente beneficiar àqueles que tem prisão de ventre, mas em outras pessoas podem causar problemas como o inchaço da barriga, desconforto intestinal, constipação.

Dubai Dental Clinic

O Pão integral precisa apresentar em sua composição mais de 51% de grãos (Foto: Getty Images)

Escolha a farinha integral mais pura

Ao comprar farinha de trigo integral, verifique a lista de ingredientes e a origem da farinha. É aconselhável preferir produtos que o trigo tenha sido moído pois assim é esmagado por igual, o que faz com que o seu valor nutricional seja preservado.

A simples presença da palavra “integral” não significa que o alimento é 100% integral. É muito importante ficar atento aos ingredientes presentes nos rótulos quando comprar alimentos integrais, como os pães, por exemplo. Aqueles pães que anunciam no rótulo que são feitos de grãos integrais, podem ter sido feitos exclusivamente com farinha de trigo branca e os grãos integrais somente foram adicionados à massa, ou seja, então o pão não é integral, mas sim, os grãos que estão presentes nele.

Para evitar efeitos colaterais, finalmente, adicione os alimentos integrais em sua dieta gradualmente, especialmente se você não está acostumado a comê-los.

você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.