Dicas de Nutrição para Atletas

A fim de alcançar um bom sucesso em qualquer esporte, será preciso muita paciência, resistência. Mas, além de tudo isso, é necessário seguir sua saúde e condição física como um todo. Com imunidade enfraquecida ou mau estado dos órgãos individuais, pode ocorrer deterioração da saúde e, neste caso, será estritamente proibido continuar com a carga de trabalho dos médicos, portanto, você terá que se dedicar aos esportes. É por isso que é muito importante formular corretamente um plano de refeições e não violar tal regime. Neste artigo, vamos ajudá-lo a entender o que deve ser alimento para os atletas.

Características de nutrição adequada para atletas

O plano depende não apenas do estresse que você sente durante a aula, mas também do tipo de esporte que está fazendo. É importante que o corpo receba a norma de todas as substâncias e minerais úteis, e também é importante monitorar o conteúdo calórico. Isso deve ser feito porque o corpo gasta muita energia durante o exercício, especialmente sob cargas pesadas. Os seguintes requisitos aplicam-se à nutrição de pessoas envolvidas em esportes e com forte esforço físico:

A dieta deve ser feita por um nutricionista competente. Isso é necessário para aumentar a massa muscular e diminuir a gordura.
O regime alimentar deve ter um propósito específico, por exemplo, reduzir o peso ou aumentar.
Você pode usar vários suplementos esportivos junto com alimentos, por exemplo, proteínas, mas eles são de tipos diferentes, e você precisa entender bem os tipos deles para escolher a melhor opção.
O cardápio deve ser formado de tal forma que haja uma proporção competente de calorias, além de vitaminas e macronutrientes.
A dieta durante o treinamento deve consistir de proteínas, gorduras e carbonos. Agora vamos dar uma olhada em cada um desses aspectos.

Beleza da Mulher dicas-de-nutrição-para-atletas

Carboidratos

Carboidratos são um grupo de compostos orgânicos, eles são considerados o principal fornecedor de energia para o corpo humano. Carboidratos são divididos em simples e complexos, exemplos simples são mel, açúcar, banana e fibra e amido são complexos. O complexo é dividido por um longo tempo, portanto não há aumento súbito de açúcar no sangue.

Fontes de carboidratos simples

Todos os doces incluem mel, açúcar, produtos de farinha, bem como bananas, frutas secas, arroz, batatas e outros em seu grupo. Na primeira metade do dia, este é o momento mais favorável para a digestão de carboidratos, até o final do dia você precisa reduzir a ingestão de carboidratos.

Fontes de carboidratos complexos

Neste grupo tais produtos: feijões, feijões, lentilhas, ervilhas, todos os cereais. Os carboidratos simples são mono- e dissacarídeos, como glicose, frutose, sacarose e outros. Essas substâncias são mais difíceis de digerir, por isso é importante planejar corretamente essa refeição. Criando uma tal dieta de nutrição diária, você deve considerar este aspecto: antes das aulas você precisa comer carboidratos complexos, e depois disso você já pode ser simples. A quantidade de carboidratos por dia deve estar no limite de 7 a 10 gramas por quilograma do seu peso.

Proteínas

As chamadas substâncias orgânicas, que na maioria das vezes consistem em aminoácidos, são combinadas em paralelo, incluindo peptídeos e proteínas. Estes são elementos muito importantes para o nosso sistema digestivo imunológico. Dependendo do tipo de treinamento, é necessário selecionar o número de proteínas, os especialistas recomendam uma média de 1,5 gramas por quilograma de peso do atleta por dia.

Fontes de proteína

Peixe, especialmente atum e salmão, carne de peru, frango e ovos, feijão e vários frutos do mar. Outra quantidade decente de proteína está contida no arroz e na aveia. Estes produtos são necessários para os atletas, porque acumula músculos. Além disso, a proteína pode servir como uma fonte de nutrição esportiva, mais importante, para escolher o tipo certo de suplementos e dosagem.

Gorduras

Em seguida, vamos considerar esse componente, que é necessariamente incluído na nutrição dos atletas, e é a gordura. Eles também representam compostos orgânicos, duas funções importantes no corpo humano – estrutural e orgânico. Recomenda-se consumir 0,5 a 0,7 gramas por peso corporal por dia.

Eles são insaturados e saturados, gorduras saturadas são cheias de hidrogênio e não amolecem em temperaturas normais, então elas não são aconselhadas a comer. E tudo porque quando eles entram no sangue eles não resolvem, e eles são capazes de formar placas de colesterol nos vasos. Cada atleta com uma longa história sabe que quando o vaso está entupido, o processo de remoção de gorduras do corpo se torna mais complicado, resultando em excesso de peso.

Produtos com gorduras saturadas – cremosos, óleo de coco, margarina, especialmente a pele de frango, também incluem vários fast foods, cremes e molhos gordurosos.

Moléculas em gorduras insaturadas não são completamente preenchidas com hidrogênio, porque suas fontes são produtos de origem vegetal. À temperatura normal, eles podem amolecer e ser processados ​​pelo corpo, então a digestão é fácil, o que significa que não há nenhum dano de tal alimento.

Desde a antiguidade, alguns “especialistas” têm essa opinião de que as gorduras em termos de nutrição devem ser reduzidas ao máximo. Mas realmente não é certamente assim, só precisa escolhê-los corretamente e, em seguida, não haverá problemas. Porque com a falta deles, o trabalho do sistema imunológico pode ser interrompido e o fundo hormonal se deteriorando. Esses componentes também fornecem uma excelente assimilação da maioria das vitaminas, portanto, a proporção correta é de 25% de gordura em comparação com o conteúdo calórico.

Útil em grandes quantidades estão contidos em óleos de oliva, milho e nozes, bem como em peixes e frutos do mar.

Nutrição adequada para atletas

É necessário entender que o plano de alimentação de um fisiculturista vai diferir do de uma pessoa comum, porque eles terão os músculos a levantar cargas pesadas de exercícios. Portanto, é necessário levar em conta tais momentos ao elaborar o menu:

  • A comida deve ser de alta qualidade e qualitativamente compilada. É necessário comer apenas os alimentos que são considerados úteis e produtivos para o nosso corpo.
  • A quantidade de comida consumida. Tudo dependerá do esporte e do objetivo específico. Você precisa perder massa muscular?  Você precisa engordar? Você precisa aumentar a massa muscular? Você precisa emagrecer? Todas essas metas são completamente individuais, e é preciso ter isso claro, antes de partir para o planejamento de sua alimentação.
  • Volumes de ingestão de alimentos. Atletas sempre tem essa regra, você precisa comer com freqüência, mas em pequenas porções. Assim, a comida será absorvida muito mais rapidamente e falhas no sistema digestivo não ocorrerão.

Agora que você já sabe como deve comer os atletas, esperamos que nosso artigo tenha te ajudado e desejamos sucesso no esporte!